Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Bem vindo ao Nortão News, Juara 20 de Setembro de 2021
Quem Somos   I   Contato

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

  INÍCIO  
  NOTÍCIAS  
  EVENTOS  
  VÍDEOS  
  ARTIGOS  
  FAVORITOS  
 Safra da Soja.
20 de Janeiro, 2021 - 11:45
DATAGRO eleva safra 2020/21 de soja do Brasil para recorde de 135,61 mi t, mas milho tem corte
     

 A produção de soja na safra 2020/21 do Brasil foi elevada para um recorde de 135,61 milhões de toneladas, sobre 134,98 milhões de t da última estimativa, e cerca de 7% acima das 127,15 milhões de t de 2019/20, segundo a Consultoria DATAGRO. A área plantada foi revisada para 38,75 milhões de hectares, sobre os 38,79 milhões de ha da última projeção, mas ainda acima do ano anterior (37,39 milhões de ha).


“O total de área revelado nesse levantamento está confirmando a direção do nosso levantamento de julho, de 37,99 milhões de ha, mas com incremento de 762 mil ha, ou 2%. E esse aumento está, inclusive, confirmando nossa sinalização no próprio levantamento inicial. Com isso, o produtor brasileiro incrementou o plantio de soja no país pelo 14º ano consecutivo”, destaca o coordenador de Grãos da DATAGRO, Flávio Roberto de França Junior.


Dentre os fatores de estímulo que dominaram a decisão dos produtores pelo cultivo da soja nesta safra, estão os preços médios acima do padrão, a alta produtividade média, a positiva lucratividade bruta da safra, a oferta de crédito, a demanda interna e externa aquecida, além de limitação na área da Argentina, a redução de preços na tabela de fretes mínimos e a manutenção do acordo comercial fase 1 entre EUA x China.


Apesar de elevação na soja, a DATAGRO vê números menores para o milho do Brasil. Considerando as duas safras do cereal no país, a área em 2020/21 foi atualizada para 19,62 milhões de ha, ante 19,77 milhões de ha do último levantamento e 3% acima dos 18,98 milhões de ha de 2019/20. Já a produção foi revisada para 109,93 milhões de t, sobre 114,04 milhões de t do último levantamento, mas cerca de 3% acima das 106,32 milhões de t de 2019/20.


Na 1ª safra do cereal, a área é estimada em todo o país em 4,30 milhões de ha, ante 4,43 milhões de ha previstos anteriormente e aproximadamente 1% abaixo de 2019/20 (4,34 milhões de ha). A produção na safra é estimada em 24,26 milhões de t (18,46 milhões de t no Centro-Sul), ante as 27,33 milhões de t apontadas anteriormente e 7% menor que as 26,12 milhões de t da última temporada.


A 2ª safra de milho no país é estimada com uma área de 15,32 milhões de t em 2020/21, ante 15,34 milhões de ha do último levantamento, mas ainda cerca de 5% acima da temporada anterior (14,64 milhões de ha). A produção tem potencial revisado para 85,67 milhões de t (79,87 milhões de t na região Centro-Sul), ante 86,71 milhões de t da última projeção e 7% acima das 80,20 milhões de t da temporada anterior.      

Fonte: P do A.
* O NortãoNews não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Notícias
15/01/2021
14/01/2021
13/01/2021
12/01/2021
 menos   19   20   21   22   23   24   25   mais 

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

 Enquete

 Artigos
  INÍCIO  
 
  NOTÍCIAS  
 
  EVENTOS  
 
  VÍDEOS  
 
  ARTIGOS  
 
  FAVORITOS  
© 2021 - Todos direitos reservados