Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Bem vindo ao Nortão News, Juara 22 de Outubro de 2019
Quem Somos   I   Contato

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

  INÍCIO  
  NOTÍCIAS  
  EVENTOS  
  VÍDEOS  
  ARTIGOS  
  FAVORITOS  
 Milho.
28 de Agosto, 2019 - 15:39
Milho: Mercado futuro inicia a sessão desta 4 ª feira em campo misto na Bolsa de Chicago
     

 As cotações futuras do milho iniciaram a sessão nesta quarta-feira (28) em campo negativo na Bolsa de Chicago (CBOT). Às 09h44 (Horário de Brasília), o contrato setembro/19 operava a US$ 3,57 por bushel com uma ligeira queda de 0,25 pontos, enquanto, o vencimento dezembro/19 trabalhava a US$ 3,65 por bushel com um recuo de 0,75 pontos.


Segundo análise de Bryce Knorr da Farm Futures, os contratos futuro da milho e soja lutaram por pequenos ganhos durante a noite. “Os preços do milho diminuíram na terça-feira, mas se estabilizaram praticamente na mesma quantidade durante a noite, enquanto algumas manobras técnicas leves continuam”, afirma Knorr.


De acordo com uma pesquisa preliminar realizada pela a Farm Futures para safras de 2020, os agricultores disseram que esperam plantar 94,1 milhões de acres de milho, um aumento de 4,5% em relação aos 90 milhões que o USDA disse plantar em seu relatório de 12 de agosto.


Confira como fechou o mercado na terça-feira:


Milho: Mercado futuro finaliza a sessão desta 3ª feira com ligeiras desvalorizações em Chicago


Nesta terça-feira (27), as referências futuras para o milho na Bolsa de Chicago (CBOT) encerraram o pregão com desvalorizações. Os principais vencimentos da commodity registraram perdas de 1,50 a 2,00 pontos. O contrato setembro/19 terminou o dia cotado a US$ 3,57 por bushel, enquanto, o dezembro/19 trabalhava a US$ 3,66 por bushel.


Segundo análise de Ben Potter da Farm Futures, os futuros do milho encerraram em queda devido às boas condições das lavouras nos Estados Unidos. “A safra de milho deste ano está avaliada em 57%, em boa a excelente condição, segundo o último relatório de progresso de safra do USDA, divulgado segunda-feira à tarde” , afirma Potter.


A Reuters reportou que o Ministério das Relações Exteriores da China reiterou nesta terça-feira que não tem conhecimento de nenhuma ligação telefônica recente entre os Estados Unidos e a China sobre comércio, e disse esperar que Washington possa interromper suas ações equivocadas e criar condições para negociações.


“O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, previu na segunda-feira um acordo comercial com a China, citando o que ele descreveu como crescente pressão econômica sobre Pequim e perda de empregos na China”, informou a Reuters.


Mercado Interno


No caso do mercado interno, as principais praças pesquisadas pelo o Notícias Agrícolas registraram poucas movimentações nas cotações do cereal. Em Castro/PR, a saca do milho terminou o dia cotada a R$ 35,00 com uma alta de 1,45%. Já na região de Rondonópolis/MT, o cereal registrou uma valorização de 1,96% com a saca em torno de R$ 26,00. Em Alto Garças/MT, as referências do milho estão próximas de R$ 27,00 com uma valorização de 5,88%


Em Sorriso/MT, a saca disponível registrou uma queda na cotação de 13,04% e a saca encerrou o dia a R$ 20,00. Já os preços balcão tiveram um recuo de 22,43% e terminou o dia com a saca cotada a R$ 17,00.


Segundo as informações da consultoria Agrifatto, as fortes valorizações mantêm as commodities agrícolas brasileiras competitivas nos portos brasileiros, colaborando para suporte de preços no balcão e também em bolsa.


 

Fonte: P do A.
* O NortãoNews não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Notícias
22/10/2019
21/10/2019
18/10/2019
17/10/2019
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
 Enquete

 Artigos
  INÍCIO  
 
  NOTÍCIAS  
 
  EVENTOS  
 
  VÍDEOS  
 
  ARTIGOS  
 
  FAVORITOS  
© 2019 - Todos direitos reservados