Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Bem vindo ao Nortão News, Juara 16 de Junho de 2019
Quem Somos   I   Contato
  INÍCIO  
  NOTÍCIAS  
  EVENTOS  
  VÍDEOS  
  ARTIGOS  
  FAVORITOS  
 China e o Mercado.
6 de Maio, 2019 - 10:59
Índices chineses têm maior queda em mais de 3 anos com ameaças tarifárias
     

 Os investidores chineses foram pegos de surpresa pelas ameaças tarifárias do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, levando-os a vender ações e a vender o iuan nesta segunda-feira, quando a deteriorização das relações comerciais entre Pequim e Washington agitaram os mercados financeiros asiáticos.


Os principais índices acionários do país mostraram sua maior queda em mais de três anos. O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em Xangai e Shenzhen e o índice Xangai caíram mais de 5 por cento cada, registrando sua maior queda em um único dia desde fevereiro de 2016. Cerca de mil empresas despencaram o limite máximo permitido de 10 por cento no dia.


O sentimento do mercado recebeu um pequeno impulso um pouco depois, com a China dizendo que sua delegação comercial está se preparando para ir aos Estados Unidos.


Trump surpreendeu os mercados globais com uma publicação no Twitter na noite de domingo anunciando que vai aumentar as tarifas dos EUA sobre os 200 bilhões de dólares em mercadorias chinesas nesta semana e terá como alvo centenas de bilhões em breve, dizendo que as negociações comerciais com a China estão indo devagar demais.


Os mercados haviam amplamente precificado as expectativas de que um acordo comercial seria alcançado em breve, reduzindo ainda mais a pressão sobre a economia chinesa, que recentemente mostrou sinais de estabilização.


Estimulando as expectativas de que a nova incerteza no comércio poderia levar a uma flexibilização monetária adicional, o banco central da China disse nesta segunda-feira que cortará a taxa de compulsórios para bancos de pequeno e médio porte.


Em TÓQUIO, o índice Nikkei permaneceu fechado.


Em HONG KONG, o índice HANG SENG caiu 2,90 por cento, a 29.209 pontos.


Em XANGAI, o índice SSEC perdeu 5,58 por cento, a 2.906 pontos.


O índice CSI300, que reúne as maiores companhias listadas em XANGAI e SHENZHEN, retrocedeu 5,84 por cento, a 3.684 pontos.


Em SEUL, o índice KOSPI não teve operações.


Em TAIWAN, o índice TAIEX registrou baixa de 1,80 por cento, a 10.897 pontos.


Em CINGAPURA, o índice STRAITS TIMES desvalorizou-se 3,00 por cento, a 3.290 pontos.


Em SYDNEY o índice S&P/ASX 200 recuou 0,82 por cento, a 6.283 pontos.


 

Fonte: P do A.
* O NortãoNews não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Notícias
30/05/2019
29/05/2019
28/05/2019
27/05/2019
 menos   3   4   5   6   7   8   9   mais 
 Enquete

 Artigos
  INÍCIO  
 
  NOTÍCIAS  
 
  EVENTOS  
 
  VÍDEOS  
 
  ARTIGOS  
 
  FAVORITOS  
© 2019 - Todos direitos reservados