Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Bem vindo ao Nortão News, Juara 14 de Outubro de 2019
Quem Somos   I   Contato

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

  INÍCIO  
  NOTÍCIAS  
  EVENTOS  
  VÍDEOS  
  ARTIGOS  
  FAVORITOS  
 Milho.
2 de Maio, 2019 - 10:39
Milho abre a quinta-feira com resultados misturados na Bolsa de Chicago
     

 A quinta-feira (02) começa resultados misturados para os preços internacionais do milho futuro na Bolsa de Chicago (CBOT). As principais cotações registravam movimentações entre 0,25 pontos negativos e 2,25 pontos positivos por volta das 09h14 (horário de Brasília). O vencimento maio/19 era cotado à US$ 3,62, o julho/19 valia US$ 3,69 e o setembro/19 era negociado por US$ 3,76.


Segundo análise de Bryce Knorr da Farm Futures, os preços do milho estão misturados hoje, com os futuros tentando estender seu rali. Os atrasos no plantio continuam a conduzir a cobertura a descoberto de fundos que detêm uma aposta recorde contra o milho.


Um pouco de notícias sobre a demanda também está se infiltrando nos mercados. A produção de etanol na semana passada caiu, mas os estoques caíram um pouco também, de acordo com os últimos dados do departamento de energia.


“Após o fechamento do USDA, as usinas usaram 441,7 milhões de bushels (11,2 milhões de toneladas) de milho em março, menos do que esperávamos, mantendo a eficiência forte diante das margens fracas. O ritmo baixo continua a sugerir que o USDA está muito alto na estimativa para o uso da safra de 2018, a menos que haja um surto de E15 neste verão”, diz Knorr.


Espera-se que as vendas de exportação desta manhã sejam um pouco melhores do que as 30,7 milhões de bushels (779.810 toneladas) da semana passada, permanecendo acima da taxa necessária durante o verão para alcançar a previsão do USDA para o ano de comercialização.


Confira como fechou o mercado na última quarta-feira:


Milho: Mercado fecha a sessão desta 4ª com altas na Bolsa de Chicago


As cotações futuras do milho negociadas na Bolsa de Chicago (CBOT) encerraram o pregão desta quarta-feira (01) em campo positivo. Os principais vencimentos do cereal finalizaram o dia com valorizações entre 6,00 e 6,75 pontos.


O maio/19 encerrou o pregão a US$ 3,60 por bushel, enquanto o julho/18 era cotado a US$ 3,68 por bushel. O setembro/19 finalizou a quarta-feira a US$ 3,76 por bushel.


Segundo análise de Bryce Knorr da Farm Futures, os preços do milho subiram quase 2% na quarta-feira em uma rodada de curto prazo amplamente provocada por preocupações com o atraso do plantio. “Os preços do milho esperam aumentar este mês depois que os futuros de maio recuaram 0,8% em abril”, disse Knorr.


Mercado Interno


Em virtude do feriado do dia trabalhador no Brasil, o mercado interno não teve movimentações. De acordo com o levantamento da equipe do Notícias Agrícolas, realizado ontem (30), registrou uma queda na região de Campinas (SP) de 5,56% e fechou o dia R$ 33,49 a saca.


Em Luís Eduardo Magalhães (BA), a queda foi de 4,29%, com a saca de milho a R$ 33,50. Na região de Cascavel (PR), o perda foi de 3,85%, com a saca a R$ 25,00. Em Ubiratã (PR), a desvalorização foi de 1,96% com a saca a R$ 25,00.


 

Fonte: P do A.
* O NortãoNews não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Notícias
04/10/2019
03/10/2019
02/10/2019
01/10/2019
 menos   1   2   3   4   5   6   7   mais 
 Enquete

 Artigos
  INÍCIO  
 
  NOTÍCIAS  
 
  EVENTOS  
 
  VÍDEOS  
 
  ARTIGOS  
 
  FAVORITOS  
© 2019 - Todos direitos reservados