Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Bem vindo ao Nortão News, Juara 21 de Julho de 2018
Quem Somos   I   Contato
  INÍCIO  
  NOTÍCIAS  
  EVENTOS  
  VÍDEOS  
  ARTIGOS  
  FAVORITOS  
 Setor Madeireiro.
13 de Maio, 2018 - 19:54
Setor industrial madeireiro assina termo de cooperação mútua com associação chinesa
     

 A Associação Brasileira da Indústria de Madeira Processada Mecanicamente (Abimci), que reúne empresas fabricantes de produtos como compensado, madeira serrada, molduras, portas, entre outros, assinou um termo de cooperação mútua nesta sexta-feira, 27, com a China Timber and Wood Products Association (CTWPDA) - Associação de Distribuição de Produtos de Madeira, em tradução livre. O objetivo é fomentar negócios entre os dois países, facilitar o acesso a informações entre as duas entidades e detectar oportunidades comerciais dentro do segmento industrial madeireiro entre China e Brasil. A CTWPDA reúne mais de 3 mil empresas associadas que atuam na produção e distribuição de madeira naquele país. A China é hoje o maior consumidor de produtos de madeira do mundo.


Na avaliação da Abimci, trata-se de um importante avanço institucional para a associação e o setor industrial madeireiro, ampliando a rede de contatos e parceiros internacionais para o aumento e fomento das exportações de produtos brasileiros de madeira. De acordo com o superintendente da associação, Paulo Pupo, o Brasil apesenta um potencial real de crescimento dos volumes de exportações e está assegurado em relação às questões de origem legal e de certificações florestal e técnicas. Atualmente, 69% das florestas são certificadas no Brasil. Em 2017, o Brasil exportou de mais de 63 mil m³ madeira serrada de madeira tropical e 327.582 m³ de madeira serrada de pinus para a China.


O secretário geral e vice-presidente da CTWPDA, Li Jiafeng, destacou a qualidade dos produtos de madeira brasileiros e salientou que a aproximação com o Brasil é importante para atender a demanda interna chinesa. Em 2017, a China consumiu 600 milhões de m³ de produtos de madeira.


O encontro contou com a presença de representantes de 12 importadores de madeira e de diversas empresas associadas à Abimci, em especial, fabricantes de madeira serrada.


 

Fonte: P do A.
* O NortãoNews não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Notícias
15/07/2018
13/07/2018
12/07/2018
11/07/2018
 menos   1   2   3   4   5   6   7   mais 
 Enquete

 Artigos
  INÍCIO  
 
  NOTÍCIAS  
 
  EVENTOS  
 
  VÍDEOS  
 
  ARTIGOS  
 
  FAVORITOS  
© 2018 - Todos direitos reservados