Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Bem vindo ao Nortão News, Juara 14 de Outubro de 2019
Quem Somos   I   Contato

Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

  INÍCIO  
  NOTÍCIAS  
  EVENTOS  
  VÍDEOS  
  ARTIGOS  
  FAVORITOS  
 ARTIGO
23 de Novembro, 2012 - 06:51
  ALFREDO DA MOTA MENEZES

   Várzea Grande e o momento
     

Se Wallace levar água, pagar as contas e pintar meio-fio, já sai ganhando

Duvido que tenha um prefeito eleito que tenha tanta chance de sair-se bem como o Wallace Guimarães em Várzea Grande. Se não fizer besteira, se tocar o barco sem marolas, como a coisa se apresenta ali, qualquer um com um mínimo de bom senso se  daria bem.

Aos fatos. No lado político a família Campos perdeu a terceira eleição seguida. E com candidatos como Júlio e Lucimar Campos. O eleitorado de fora mudou o quadro eleitoral dali. É, como se diz, o Cristo Rei venceu a Couto Magalhães.

Encabula a família Campos não atentar antes para isso. Frente à nova realidade, a pressão política da família em cima de qualquer eleito não deve ser mais a mesma.

Em segundo lugar, para beneficiar o novo prefeito, as administrações Murilo Domingos e do Tião da Zaeli foram calamitosas. Se não deixar a coisa desandar, na comparação entre o antes e o depois, o Wallace se beneficia sem fazer esforço extra. Só aproveitando o que a circunstância e a conjuntura lhe ofereceram de graça.

Em terceiro lugar, o Wallace está na prefeitura no momento em que há uma clara tendência de V. Grande deslanchar com apoio da iniciativa privada e do setor público federal e estadual. O boom  imobiliário que tomou conta de Cuiabá começa a pular a ponte.

Prédios agora poderão ali ser erguidos porque, absurdamente, só recentemente é que foi aprovada uma lei para isso. Surgirão bons condomínios também.

A nova ponte sobre o rio Cuiabá e que passará atrás do bairro Santa Rosa vai fazer ser mais curto vir de V. Grande do que do Coxipó. V. Grande não tinha nem Shopping Center ou cinema. Agora é que vai ter. E talvez também uma rodoviária.

Além disso, a cidade receberá um monte de obras da Copa, aeroporto ampliado, vias, trincheiras, pontes, desvios rodoviários, casas, estádio de futebol (com 250 mil habitantes não possuía um estádio). E receberá ainda todo o parque tecnológico do estado, incluindo este setor da UFMT.

Uma cidade que possui a terceira arrecadação do estado e não tem pontes e estradas para serem arrumadas na zona rural. Uma cidade que está na beira do rio Cuiabá e não tem sistema de água adequado.

Em que dirigentes se satisfaziam em entregar poços artesianos para a população.

Várzea Grande tem o segundo eleitorado do estado. O que quer dizer que é apetitosa para emendas de parlamentares. Uma cidade dessas não ser um brinco ou referência em saúde e educação é incompreensível.

Se o Wallace conseguir levar água para cidade através do PAC, pagar as contas da prefeitura e pintar meio fio, já sai ganhando.

O novo quadro político e eleitoral no município, mais o legado negativo dos prefeitos anteriores e ainda os benefícios que levarão à iniciativa privada e ao setor público, faria qualquer um que esteja na cadeira de prefeito, se não for o suprassumo da incompetência, dar-se bem.

ALFREDO DA MOTA MENEZES é professor universitário e articulista político em Cuiabá.

pox@terra.com.br

Fonte: Midia News

* O NortãoNews não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Artigos
18/05/2016
26/02/2016
01/12/2015
20/11/2015
30/06/2015
02/02/2015
21/04/2014
09/02/2014
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
 Enquete

 Artigos
  INÍCIO  
 
  NOTÍCIAS  
 
  EVENTOS  
 
  VÍDEOS  
 
  ARTIGOS  
© 2019 - Todos direitos reservados