Content on this page requires a newer version of Adobe Flash Player.

Get Adobe Flash player

Bem vindo ao Nortão News, Juara 21 de Novembro de 2017
Quem Somos   I   Contato
  INÍCIO  
  NOTÍCIAS  
  EVENTOS  
  VÍDEOS  
  ARTIGOS  
  FAVORITOS  
 ARTIGO
19 de Outubro, 2012 - 06:43
  EDUARDO PÓVOAS

   O peso de uma herança
     

Herança é coisa que muita gente sonha com ela. Umas sempre são bem vindas, outras que a gente não tem como escolher, chegam ate nós como um foguete ou uma batata quente que não há maneira de minimizar seu efeito destruidor.

Em conversa com amigos saiu o nome do Chico Galindo no meio da roda. Um imediatamente disse: “não me fale nesse homem”! Eu perguntei o porquê. Ele me respondeu que se tratava de um cidadão que nada fez pela cidade.

Pois bem, esse amigo é engenheiro e, portanto conhece muito bem de obras. Perguntei se ele conhecia o pátio da Secretaria de Obras da Prefeitura. Ele disse que não. Levei-o até lá para que visse de manhã a saída das maquinas e caminhões para os bairros da cidade.

Pedi que perguntasse a um funcionário quantas maquinas e caminhões haviam no passado. O funcionário respondeu que havia várias carcaças de maquinas e caminhões servindo de toalete para pombos e pardais, e que hoje a coisa está diferente.

"Até parece que o Chico foi o “tatu” que deixou Cuiabá esburacada; que foi o abutre que a infestou de lixo..."

Quando comentei na roda sobre a reforma da Avenida Itália, outro amigou pediu a palavra para me dizer que os moradores dessa avenida estavam brabos com o Chico, pois aumentou muito o transito nela depois da reforma.

Imagine que absurdo e quanta disposição para se ter raiva de um cidadão. Não gostar de um Prefeito que reformou uma avenida e que após essa obra essa avenida passou a ter um fluxo maior de transito é coisa de quem se prepara para receber uma Copa do Mundo? È motivo plausível para se ter ódio mortal de um Prefeito? Ah, vá descascar batata!

Tenha coragem, diga em alto e bom som que não gosta do cidadão Chico Galindo. Que não gosta dele por ser baixinho, por usar óculos, por estar sempre sorrindo etc, mas querer comparar a administração dele com a do ex-titular é brincadeira.

Chico foi o verdadeiro culpado disso tudo. Sua educação e lealdade não permitiram que ele mostrasse à população cuiabana como recebeu a cidade e a Prefeitura, apesar de insistentes pedidos.

Querer dizer que Cuiabá hoje é a mesma de ontem é confundir a Gisele Bündchen com a Madame Min.

Essas críticas descabidas saem de um ninho que continua, para a infelicidade de muitos, com uma saúde “irritante”.

Até parece que o Chico foi o “tatu” que deixou Cuiabá esburacada. Chico foi o “abutre” que a infestou de lixo, Chico foi o “São Pedro” que a encheu de água, e ainda agora querem lhe comparar com o titular. Prometi a mim mesmo, que não mais escreveria sobre este tema, mas ao ler cachoeiras de bobagem a respeito do atual Prefeito, não me conformo e volto a ele.

Se o Chico estivesse à frente do mandato desde o primeiro dia, Cuiabá seria outra. Antes de enviar comentários no rodapé deste artigo, reflita sobre o que acabou de ler. Agora se você não gosta do cidadão Chico Galindo, é outra coisa. Sobre isso não tenho o que escrever.

Tomara que o próximo Prefeito continue com o mesmo pique e a mesma vontade de transformar Cuiabá na cidade que sonhamos. A Cuiashiville do Oeste Americano que vivíamos até poucos anos atrás é coisa do passado.

EDUARDO PÓVOAS é cuiabano

Fonte: Midia News

* O NortãoNews não se responsabiliza por comentários postados abaixo!
 0 Comentários  |  Comente esta matéria!
 Mais Artigos
18/05/2016
26/02/2016
01/12/2015
20/11/2015
30/06/2015
02/02/2015
21/04/2014
09/02/2014
 menos  1   2   3   4   5   6   7   mais 
 Enquete

 Artigos
  INÍCIO  
 
  NOTÍCIAS  
 
  EVENTOS  
 
  VÍDEOS  
 
  ARTIGOS  
© 2017 - Todos direitos reservados